Sonhada Maternidade: Janeiro 2015

Elixir de inhame para engravidar

Olá a todas!

Sabe quando você resolve engravidar e começa tentar um mês, dois, três e nada do positivo? Então você parte para pesquisas na internet para achar alguma fórmula milagrosa que ajude a engravidar. Foi nessas pesquisas que descobri o elixir de inhame como ele tem ajudado muitas mulheres a engravidar.

Ajudado mesmo. Mulheres que tentavam há meses sem sucesso e que tiveram uma ajudinha desse produto em suas tentativas.

Como o elixir de inhame ajudaria a engravidar?


Na realidade, o grande herói da história é o inhame. Ele possui propriedades que auxiliam o corpo da mulher no período ovulatório, isto é, ele é rico em estrogênio e esse hormônio age no organismo incentivando a produção ovulatória. Então, o consumo de inhame por si só já ajudaria a mulher que quer engravidar. 

O problema que, quando consumido in natura para fins de ovulação, você teria que consumir uma grande quantidade desse tubérculo para o resultado esperado. Sem contar que tem muita gente que não gosta de comer inhame e, nesses casos, seria um sacrifício (mas acredito que valeria a pena quando se quer um filho) comer em grandes quantidades.

É nesse momento que entra em cena o elixir de inhame. Ele possui todas as propriedades benéficas do inhame, só que de maneira mais concentrada.

Um elixir é um preparado que tem como base um determinado ingrediente ativo, junto com álcool etílico e, em alguns casos, substâncias aromática. No nosso caso, o elixir de inhame tem como principal ingrediente ativo o inhame. E como possui álcool, não é aconselhável a consumir mais do que o indicado.

Então, como o elixir de inhame é um concentrado das propriedades do inhame, as mulheres que o tem consumido com a intenção de engravidar, relatam melhora no muco ovulatório e sentem aquelas dores nos ovários quando estão ovulando. Em muitos casos, há relatos de positivos.



O elixir de inhame só serve para engravidar?

O inhame apresenta muitas propriedades benéficas a saúde, o elixir de inhame também ajuda em outras coisas, como:

1) Diminuir o aparecimento de acne, já que é depurativo.

2) Melhorar as inflamações de articulações.

3) Aliviar dores de cólicas menstruais.

4) Melhora a digestão de alimentos gordurosos.


E como você deve tomar o elixir de inhame?


Quando não se tem intenção de engravidar, o elixir pode ser consumido durante todo o ciclo menstrual, tomando uma ou duas colheres de sopa por dia, de preferência pela manhã em jejum. Mas não é aconselhável tomar mais de três meses seguidos.

Quando se quer engravidar, deve-se ingerir o elixir, para quem tem ciclos de 28 dias, a partir do 7º dia do ciclo, por 7 dias, até o dia da ovulação. Nesse caso, aconselha-se a ingerir duas colheres de sopa em jejum pela manhã. Também não é aconselhar a utilizar o elixir por mais de 3 meses seguidos.

No post ELIXIR DE INHAME II explico melhor os componentes do inhame e do elixir como ele auxilia as tentantes.

elixir de inhame


Em tempo


Veja meu depoimento sobre como utilizei esse elixir quando engravidei no post



Além disso, veja o post que mostra como utilizar o xampu Johnson's ajuda a engravidar.




Método Noug para saber quando vai engravidar

Durante meu percurso para poder engravidar, descobri o método Noug (ou tabela Noug) que, a partir da data de nascimento da futura mamãe e futuro papai, prediz possíveis datas de gravidez, parto e sexo do bebê.

Então vou tentar explicar como funciona, pois sua utilização é meio confusa.



Na primeira aba do excel (que tá escrito Methode Noug)  escreve a data de nascimento sua e o ano que começaram com as tentativas. Aí aparecerão os resultados referentes à futura mamãe. Depois, você troca os dados e coloca a data de nascimento do marido e o ano que começaram as tentativas de novo.



Ao ver os resultados, se sair (2) ou (3) é um parto (nascimento), os números (18) e (19) gravidez mas pode ser interpretado como parto também. Se for (19) será menino e o (16) sai na planilha do papai, dizendo que é gravidez da mulher. Na verdade tudo pode ser parto, tem que juntar os números, se forem seguidos que pode ser interpretado como gravidez e depois nascimento.



Pelo que parece, tem que juntar os dados do casal (seu e do marido). Parece que dá certo quando coincidir as datas.


Não se esqueçam que isso é apenas uma brincadeira, por pura diversão. No caso do meu primeiro filho, não deu certo, mas vai que funciona para alguém.

Abaixo estou disponibilizando dois links onde você podem encontrar a tabela do excel.

http://www.4shared.com/office/UT3T7-pvba/Methode_noug__1_.html

http://www.4shared.com/office/YrBhZxgJce/noug_tableau_excel2.html

https://drive.google.com/file/d/0BwTcXXkN5aHWclVkbmdZTlZQMWc/view?usp=sharing

https://drive.google.com/open?id=0BwTcXXkN5aHWM2szMTh6U2gtbXc




Abraços.

PS: Veja AQUI um tutorial explicativo publicado em 05/05/2016

Uxi amarelo e Unha-de-gato

Após meu AE, meus hormônios deram uma louca: não menstruava mais direito (todo mês só vinha uma borra preta que durava dois dias), isso quando menstruava. Depois de várias tentativas de engravidar novamente, minha médica me pediu um ultrassom e, para minha surpresa ela percebeu que meus ovários estavam policísticos. Eu nunca tive síndrome dos ovários policísticos, mas eles estavam.

Comecei a pesquisar por conta própria tratamentos alternativos para SOP, já que eu não queria voltar a tomar anticoncepcional. Foi aí que descobri as ervas o uxi amarelo e unha-de-gato. O uxi amarelo é utilizado em tratamento de miomas e cistos, e a unha-de-gato é um poderoso anti-inflamatório (tão poderoso que até umas dores na articulação do braço sumiram que utilizei a erva).

Eu fazia o chá de e tomava uma xícara de uxi amarelo pela manhã e uma de unha-de-gato à tarde, sempre durante meu período menstrual, isso porque não é aconselhável tomar chá dessas ervas estando grávida.

Com três meses tomando os chás minha menstruação regularizou e voltou a ter sangramento vermelho. Demorou apenas dois ciclos após o uso dos chás para que eu engravidar novamente.


Abaixo segue uma receita dos chás


Os chás devem ser feitos separadamente. O uxi amarelo deve ser ingerido pela manhã, enquanto a mistura obtida através da unha-de-gato na parte da tarde. Os chás podem ser tomados desde o primeiro dia da menstruação até o período fértil, não devendo ser consumido após a ovulação.

Para o chá de uxi amarelo, ferva 2 colheres de sopa da casca da planta com meio litro de água e tome em jejum.

Para o chá de unha-de-gato, ferva 2 colheres de sopa da planta ressecada em meio litro de água e toma no final da tarde, antes do jantar.


chá de uxi amarelo e unha-de-gato


No site do Globo Repórter tem uma matéria sobre essas ervas:

http://redeglobo.globo.com/Globoreporter/0,19125,VGC0-2703-3200-1-49326,00.htm


Veja também o post POR QUE O UXI AMARELO AJUDARIA A ENGRAVIDAR?

E POR QUE A UNHA-DE-GATO AJUDARIA A ENGRAVIDAR?


Abraços a todas!

Aborto Espontâneo

Olá amigas!

Engraçado, até acontecer com a gente nunca podemos conceber a ideia de que podemos passar por um Aborto Espontâneo. E depois que acontece, lemos e ouvimos de várias pessoas que o aborto espontâneo é mais comum do que imaginamos.

Muitas vezes a mulher nem sabe que teve um aborto espontâneo, pois nem sabia que estava grávida. É como um ciclo menstrual mais intenso e prolongado. Pode ocorrer com dores semelhantes a cólicas ou, como foi meu caso, sem nenhuma dor física (pois as psicológicas ficaram).

Segundo o site Doctoralia, aproximadamente 15% das gestações entre 4 e 20 semanas terminam em aborto espontâneo clinicamente reconhecidos. Esse número pode subir para 50% pois muitos dos abortos espontâneos podem ocorrer antes mesmo da mulher descobrir que está grávida. É um número realmente alto.

No meu caso, o corpo expulsou tudo sozinho. No primeiro dia de sangramento fui à emergência, fiz um ultrassom e cheguei até a escutar o coraçãozinho do bebê. Tudo que o médico me disse naquele momento é que estava na mão de Deus.

Não adiantou todo o repouso recomendado pelo médico. A cada dia o sangramento aumentava. No terceiro dia após o início do sangramento, ao ir ao banheiro, eis que uma bolinha amarela (do tamanho de uma bolinha de gude) cai dentro do vaso. Naquele instante soube que tinha perdido meu bebê.

Hoje vejo como experiências que temos que passar na vida para que nos tornemos mais fortes e preparados para outras novas.

Sejamos fortes, sempre!

lágrimas


não ter sintomas de gravidez e interpretar o aborto como uma regra simples mais intensa ou atrasada.

Aproximadamente 15% de todas as gestações 4-20 semanas de gravidez terminam em aborto espontâneo clinicamente reconhecido, mas a verdadeira taxa de perda de gravidez precoce é de cerca de 50%, porque nos primeiros 2-4 semanas após a concepção existe uma alta taxa de abortos espontâneos não reconhecidos, a maioria deles como perdas precoces causadas por anormalidades nos cromossomos do óvulo ou espermatozóide.

Abortos espontâneos a maioria (cerca de 80%) ocorrem nas primeiras 12 semanas de gravidez.

+info: http://www.doctoralia.com.br/enfermidade/abortamento+espontaneo-13500

Decidi: É hora de ser mãe!!!

Olá Amigas!

A mulher moderna optou por adiar a maternidade. São os estudos, os trabalhos, vida profissional, diversões e tudo mais que a pessoa 

Mas eis que chega o momento em que algo fala mais alto em seu interior. É algo que nos faz refletir. É um novo sentido para a vida.

Chegou a hora de ser mãe.

Foi o que aconteceu comigo. Em 2010, aos 29 anos, carreira estabelecida, um mestrado, casada há 3 anos, uma vida a dois muito proveitosa. Foi então que o instinto materno "falou", ou melhor, "gritou" dentro de mim.

Sempre agi seguindo planejamentos. Era um novo momento de planejar. Fui ao médico, fiz exames pré-natais, iniciei uso de vitaminas indicadas pelo médico. Sempre pensando: "Vou engravidar rápido, afinal sempre fui muito saudável".

Estando tudo bem com meus exames, parti para o próximo passo: parar com o anticoncepcional, após 8 anos ininterruptos. E na cabeça a ideia de que a gravidez viria rápido.

E veio. No mesmo mês que deixei o remédio engravidei. Felicidade total. Esperei quinze dias de atraso para fazer o beta para não ter dúvidas. E quando vi o resultado pela internet, saí contando para todos no meu trabalho (veja o post ESPERAR 3 MESES PARA ANUNCIAR A GRAVIDEZ: QUE DIFÍCIL). Uma ótima sensação.

Porém, três dias após o resultado do exame, comecei a ter um sangramento, sangramento este que evoluiu para um aborto espontâneo. Nada podia ser feito, apenas esperar e sofrer.

Após esse acontecimento, fui liberada para tentar novamente após dois meses. E assim o fiz. Pensei que seria fácil já que o primeiro foi. Mas estava enganada. Como consequência do aborto tive um descontrole hormonal que só regularizou após um ano. E como foi difícil pois os médicos não queriam me medicar e achavam que tudo que eu tinha que fazer era esperar tudo voltar ao normal. Só se não tivesse voltado em um ano, partiriam para um possível tratamento.

Não foi preciso. Um ano e cinco meses após o aborto espontâneo engravidei novamente. Foi tudo lindo. Gestação sem problemas. Meu filho amado nasceu em 2012.

Agora ele tem 2 anos e seis meses e sei que chegou novamente o momento de ter outra criança em nossas vidas. É por isso que digo: É hora de ser mãe! (de novo :) )

Fique comigo nos próximos post para ver essa caminhada. Não sei quanto tempo vai demorar, mas o que importa é mais uma vez senti a grande maravilha de ter um filho.

Abraços e até o próximo post.

Atualizando (junho de 2015): Veja o post SEREI MÃE NOVAMENTE em que conto que consegui engravidar do meu segundo bebê.


sonhadamaternidade.com.br
Fonte imagem: pixabay.com
Topo